top of page

O ambiente inteiro em prol do meio ambiente

No mês do meio ambiente, a jornada de sustentabilidade de Junho vem a público compartilhar experiências do projeto “Protagonistas que Plantam Sustentabilidade”, coordenado pela Aventura de Construir em parceria com o Ministério da Cultura.


Confira abaixo!


PRÉ-PROJETO


Esse projeto teve como base a experiência e aprendizados obtidos do projeto “Da Terra Nascem Protagonistas”, elaborado e desenvolvido com maestria em 2021.

Ambos tiveram, em fase de pré-projeto, a mesma dinâmica e especificidades, as quais os tornaram igualmente bonitos e desafiadores:

  1. Relação com o Ministério da Cultura e com o Programa Nacional de Apoio à Cultura (PRONAC)

  2. Viabilização de um Documentário de 30 minutos para divulgação do projeto.

  3. Busca por empreendedores e empreendedoras vulneráveis que atendem ao nicho específico de trabalharem, de alguma forma, seja produzindo, comercializando ou educando, no setor de alimentos orgânicos.

Os desafios aparecem para serem superados, e ficam como aprendizado a nível pessoal e da organização. Assim foi o resultado desses três pontos, executados de maneira consistente e preparando o terreno para a atividade fim da AdC, a mesma que mantém os coordenadores de projeto engajados, por vezes emocionados e sempre entendendo a missão pela qual todos nós trabalhamos!


Foram longas e especiais cinco semanas de inscrições abertas, onde a área de comunicação coordenou a divulgação do formulário de inscrição.


Em paralelo, uma busca incessante por cooperativas, associações, movimentos e grupos inseridos no contexto do projeto nos quais poderíamos nos conectar e alcançar os mais diversos beneficiários – uma vez que estava previsto em contrato que as cinco regiões do país fossem abarcadas.

Aproveitamos para deixar aqui um agradecimento especial, então, à:

  1. Instituto Chão; Sítio Agroflorestal; Armazém do Campo; Quintessa; Mapa de Feiras Orgânicas e Centro de Estudos em Sustentabilidade da FGV (GVCes).

Como é bonito e potente o poder da rede: Com 41 empreendedores e empreendedoras, em seus mais variados níveis de vulnerabilidade, condição social e escolaridade, das cinco regiões do país e inseridos no setor de orgânicos: estávamos munidos para começar, então, o “Protagonistas que plantam Sustentabilidade”.


De início, foram feitas duas capacitações introdutórias, a fim de nos conhecermos, nos apresentarmos, gerar significado para o processo que o projeto se propõe a fazer ao longo de seus 12 meses e, principalmente, engajar os beneficiários para a realização do diagnóstico inicial.


Esses diagnósticos representam uma etapa fundamental, a fim de mapear os principais gargalos e oportunidades de temas a serem abordados no projeto e para podermos mapear, de certa forma, a vulnerabilidade atual individual – a fim de nos possibilitar a metrificar se houve impacto, ou não, ao final do projeto.


Primeira capacitação em grupo (20/04/2023)

Primeira assessoria de Diagnóstico


Nós, da Aventura de Construir, entendemos internamente que as Assessorias de Diagnóstico trazem vida e concretude a um projeto por muitos meses idealizado.

No caso dos protagonistas que plantam sustentabilidade, o primeiro encontro representou tudo isso e muito mais: missão, emoção, propósito e alegria.


Seu nome: Adriano Garbellini, ou, como prefere: Cumpad Driano.

Foram duas horas de reflexões. A primeira delas?


Fez questão de salientar, mais de uma vez, que por mais que ele esteja em um projeto cujo objetivo é melhorar seu negócio (e, por consequência, melhorar sua renda), isso nunca deve se sobrepor ao respeito e valorização dos saberes e da cultura tradicional da Serra da Mantiqueira.


Ou seja, para ele, o sucesso de seu negócio só faz sentido caso haja um ganho real para a comunidade na qual se apaixonou, há muitos anos.


Adriano é um senhor muito criativo e comunicativo e, juntos, refletimos sobre os personagens que ele continha dentro de si – tais personagens que o ajudarão tanto na concepção de negócio quanto como ele se mostrará para seu segmento de mercado.


Esboço construído em Assessoria com Adriano Garbellini.

Seu projeto, “Humanidades da Mantiqueira”, tem diversas vertentes, representadas por personagens.


Para além desta assessoria, especial por ser a primeira, muitas outras foram igualmente potentes e significativas.


Mapa de palavras citadas nos Diagnósticos, usadas para elaboração do cronograma.

ENTREGAS

Medir impacto é sempre uma tarefa complexa, uma vez que muito dos ganhos, contidos e obtidos no projeto, são subjetivos e intrínsecos.


Muitas vezes, entendemos que o papel da Aventura de Construir, enquanto ONG, também é ser uma facilitadora para a discussão e cocriação entre os próprios beneficiários.


Além disso, entende-se que um dos principais objetivos do nosso trabalho é poder oferecer um tempo concreto fora da operação do negócio, fora da correria do dia a dia, para, então, pensarmos em pontos estratégicos e fundamentais para o crescimento sustentável do negócio.


Uma simples conversa de diagnóstico, às vezes, tem um poder inimaginável:



Comentários acerca das assessorias de diagnóstico

Porém, para além dos 20 encontros para capacitação, é um objetivo que proporcionemos o protagonismo em cada empreendedor e empreendedora, de modo que saiam com um documento concreto de sumarização do aprendizado.


Este documento é o Plano de Negócios. Teremos assessorias coletivas e individuais, depois da etapa de capacitações, para construção do mesmo, podendo usar deste para aplicação em futuros Editais, financiamentos ou outros aspectos formais.


“Não sabia até hoje, mas um plano de negócios é tudo o que eu preciso e sempre precisei”. Arthur Silva, um dos mais emblemáticos e participativos empreendedores, confeiteiro orgânico.


CONCLUSÃO


Nada mais oportuno para falar deste projeto, que tem a marca ESG contida nele, no mês de Junho.


Este mês é conhecido por ser o mês em que se comemora e advoga pelo Meio Ambiente e a mitigação dos danos causados à ele. Não apenas contém o Dia Mundial do Meio Ambiente (5), como, também, o Dia Nacional da Educação Ambiental (3), Dia Nacional da Reciclagem (5), Dia da Ecologia (6) e Dia Mundial do Oceano (8).


A produção orgânica tem uma relação direta e positiva com o meio ambiente. Ela é baseada em princípios que visam minimizar os impactos ambientais negativos, promover a sustentabilidade e preservar a biodiversidade.


Junto com os empreendedores, pudemos entender algumas das principais maneiras pelas quais a produção orgânica está relacionada ao meio ambiente, justificando a porcentagem de 100% de respostas positivas para a pergunta relacionada à preocupação com o mesmo.


Ausência de pesticidas sintéticos, manejo sustentável do solo, conservação da biodiversidade, proteção dos recursos hídricos, redução das emissões de gases de efeito estufa são alguns deles.


E muito mais!


Em geral, a agricultura orgânica busca criar um equilíbrio sustentável entre a produção de alimentos, a proteção ambiental e a saúde humana, levando em consideração o impacto global das práticas agrícolas no ecossistema.


Será um prazer, enquanto ONG, coordenar este projeto tão relevante e potente sob a ótica nacional e global, atingindo resultados que escalem e motivem esses empreendimentos – confiando, também, no poder da rede para que tais conhecimentos sejam replicados.


Comments

Couldn’t Load Comments
It looks like there was a technical problem. Try reconnecting or refreshing the page.
bottom of page