top of page

O posicionamento correto no tabuleiro

Em mais um texto produzido a partir da colaboração entre a Agência Experimental Benjamin, da FECAP, e a Aventura de Construir, o Blog AdC desta semana traz o artigo “O posicionamento correto no tabuleiro”, escrito pelo aluno Pedro Gucciardi, sobre a importância do posicionamento de marca.


Confira abaixo!


Olá, leitores!


Depois de dois anos sem poder curtir a folia mais brasileira que há, espero que todos tenham aproveitado e se divertido durante o carnaval. Dizem que agora o ano realmente começa para o brasileiro. Será mesmo? Para quem é empreendedor, o ano já começou faz tempo, certo?


No texto de hoje, continuaremos abordando um pouco sobre o assunto do mês passado: planejamento, mas especificamente, posicionamento de marca.

Primeiramente, vamos entender o que é o termo “posicionamento de marca”. De acordo com Al Ries e Jack Trout, no livro Posicionamento, “posicionamento de marca representa como você quer que a sua marca seja reconhecida por seus clientes”, ou seja, é algo que se aplica unicamente à vontade da empresa, isso quer dizer que não importa como os clientes reconheçam sua marca hoje, mas como o proprietário dela quer que ela seja reconhecida.

Para definir o posicionamento da marca, é necessário ter a resposta de algumas perguntas na ponta do papel, entre elas:

  1. A quem seu produto/serviço se destina? Definir as pessoas que interagem e compram da sua empresa é o primeiro passo para entender seu público. É importante ressaltar que nem sempre seu público-alvo é seu público comprador, no caso de cereais infantis, por exemplo, por mais que o primeiro público sejam as crianças, quem compra são os pais, então, é necessário que o marketing e a comunicação trabalhem com os dois para garantir uma boa sustentabilidade das vendas.

  2. Qual é a dor que seu produto resolve? Uma marca como a Kopenhagen e a Tio João resolvem dores completamente diferentes, apesar de serem ambas do ramo alimentício. É preciso reconhecer as suas.

  3. Qual é seu diferencial? Por que os seus clientes compram da sua empresa ao invés da concorrência? Mais do que isso, é necessário entender se o que você trata como diferencial é realmente importante para seu público-alvo.

Essas perguntas são desafiadoras e exigem um olhar diferenciado para dentro da empresa, por isso, estar munido com estudos de concorrência te ajudam a chegar as melhores respostas e, posteriormente, as melhores decisões. Ao levantar todas essas informações e colocar no papel uma boa estratégia integrada de posicionamento de marca envolve três pilares, comunicação e marketing, experiência do cliente e cultura organizacional.

A comunicação diz respeito a sua principal vitrine com seus clientes e seu público como as redes sociais, sites, panfletos que são ferramentas capazes de mostrar o que seu negócio faz. Voltando um pouco ao que foi falado no mês passado, construa um planejamento para trabalhar sua comunicação de forma coerente, usando o tom que sua empresa precisa e entenda o que seus concorrentes estão fazendo nas redes. Suas campanhas de comunicação e marketing também devem servir ao seu posicionamento de marca. Caso você faça um evento ou participe de alguma feira, entenda o público presente e ajuste as suas ações de acordo com o público frequentador.

Partindo para a experiência do cliente, entenda a jornada de compra dele e as interações com a sua cadeia logística. Seu produto é comprado diretamente do seu site, você distribui para lojas ou franquias. Por exemplo, se o seu posicionamento é ser um produto premium para compradores mais seletos, ter uma experiência personalizada deixa de ser um diferencial e passa a ser algo básico e necessário para conquistar esse público.

Por fim, seu posicionamento externo precisa estar em sintonia com sua cultura organizacional e os valores da sua empresa. É fácil identificar uma mensagem que não é condizente com o que é tratado internamente. Cuide para ter um corpo de funcionários que estejam alinhados com sua cultura, sempre mantendo o compromisso do seu negócio.

Espero que esse texto possa te ajudar a entender o que é o posicionamento de marca e sua importância para os diferentes tipos de negócios. Lembre-se, a forma como seu público enxerga sua empresa pode ser alterada. Um bom trabalho de posicionamento de marca pode virar um grande caso de sucesso para o seu negócio.  Pensei nisso e até o mês que vem!

Supervisionado pela Profª Paula Franceschelli.

Comments

Couldn’t Load Comments
It looks like there was a technical problem. Try reconnecting or refreshing the page.
bottom of page